22 de janeiro de 2017

GOE encontra túnel em presídio da Grande Natal

goe_1
Agentes penitenciários descobriram um túnel escavado em um banheiro do pavilhão 1 da Penitenciária Estadual de Parnamirim, na Grande Natal. A descoberta foi feita neste sábado (21) pelo Grupo de Operações Especiais (GOE), unidade de elite da Secretaria de Justiça e Cidadania. Segundo a direção do presídio, o PEP possui atualmente 654 presos. A capacidade, no entanto, é para 288.
“Encontramos um túnel e evitamos que os presos fugissem. Este é o nosso trabalho: zelar pela integridade do sistema prisional e a segurança da população”, disse Leonardo Alves, comandante do GOE.
Ainda de acordo com o comandante do GOE, a revista foi feita após a suspeita de que os detentos estavam se preparando para escapar nos próximos dias. “Nosso setor de inteligência nos passou essa informação e agimos rápido”, acrescentou.
G1/RN

PM encontra armas artesanais, celular e detector de metais em Alcaçuz

whatsapp_image_2017-01-22_at_14.07.05
A Polícia Militar encontrou armas artesanais, celular e até um detector de metais quebrado durante intervenção feita na Penitenciária de Alcaçuz neste sábado, 22, para que fossem colocados contêineres que vão separar duas facções dentro da unidade.
Já o detector de metais, de acordo com agentes, era parte dos equipamentos usados em revistas na unidade e pode ter ficado sob posse dos presos durante a rebelião, já que que os detentos estão soltos dentro dos pavilhões e têm acesso livre a maior parte das áreas da penitenciária desde o sábado (14).

Força Nacional encontra dois túneis fora de Alcaçuz e apreende drogas

whatsapp_image_2017-01-22_at_17.06.28
Policiais da Força Nacional encontraram dois túneis na área externa próxima ao Pavilhão 5 de Alcaçuz. Um deles estava camuflado. Também foram encontrados drogas e celulares que seriam arremessados para dentro do presídio.
Um dos túneis encontrados teria aparecido após parte da areia desabar em decorrência das chuvas deste domingo. O outro estava camuflado com mato, e a polícia não sabe se ele teria sido usado para fugas durante as rebeliões desta semana.
De acordo com a Secretaria de Segurança Pública do RN, o túnel que estava camuflado já foi fechado e o mesmo deverá ser feito com o que desabou por causa das chuvas.
Próximo aos dois buracos, os policiais da Força Nacional encontraram uma sacola contendo drogas, como maconha e cocaína, e mais quatro aparelhos celulares. Foram realizadas diligências e abordagens na área, no entanto, ninguém foi preso até o momento.
G/RN

Natal não terá ônibus neste domingo, afirma sindicato

PM promete segurança, mas rodoviários decidiram não arriscar.
Polícia Civil confirma que os atentados têm relação com briga de facções.

Na empresa Guanabara, ônibus não deixaram as garagens no horário previsto (Foto: Wendell Jefferson) 
Na empresa Guanabara, ônibus não deixaram as garagens (Foto: Wendell Jefferson)
As duas empresas de ônibus que tinham carros circulando em Natal neste sábado já não têm mais nenhum veículo nas ruas. Todos, de acordo com o Sindicato dos Trabalhadores em Transporte Rodoviário do Rio Grande do Norte (Sintro-RN), foram recolhidos às garagens. Neste domingo (22) também não haverá ônibus, afirmou o sindicato. O motivo é a falta de segurança por causa dos ataques que vêm ocorrendo no estado. A Polícia Civil confirma que os atentados têm relação com a crise no sistema prisional do estado.
Pela manhã, a PM disse que garantiria a segurança de motoristas, cobradores e passageiros, mas não houve acordo. Para este domingo (22), os rodoviários afirmam que nenhum ônibus vai rodar. O G1 tentou falar com a prefeitura, mas não conseguiu contato.
Segundo o Sintro, a frota de ônibus da capital potiguar é formada por 630 veículos. Nesta época do ano, em razão das férias, 380 mil pessoas usam o transporte público diariamente na cidade.
Inicialmente, as empresas haviam dito que circulariam neste sábado e domingo das 6h às 18h. No entanto, a expectativa não se concretizou e apenas veículos das empresas Trampolim da Vitória e Conceição foram às ruas.
Assessor de comunicação da PM, major Eduardo Franco reforçou que a corporação garante a segurança dos ônibus, bem como a presença das Forças Armadas na capital auxiliará no trabalho de prevenção a ataques, mas os rodoviários preferem não arriscar.
Jeep foi incendido no bairro de Felipe Camarão, Zona Oeste da cidade (Foto: PM/Divulgação) 
Jeep foi incendido no bairro de Felipe Camarão,
Zona Oeste da cidade (Foto: PM/Divulgação)
Carro incendiado
Um veículo particular foi incendiado na madrugada deste sábado (21) na Zona Oeste de Natal, mesmo após o início da atuação das Forças Armadas na região Metropolitana da capital potiguar. Segundo a Polícia Militar, quatro homens teriam ateado fogo no carro. Ninguém foi preso.
Ataques
Até o momento, vinte e seis ônibus e micro-ônibus, cinco viaturas do governo do estado e das prefeituras, um caminhão, dois carros particulares, quatro delegacias e outros três prédios públicos foram alvos de criminosos. Não há informação de pessoas feridas. Os atentados, a maioria incendiários, foram registrados em dez municípios.
Segundo o secretário de Segurança Pública, Caio Bezerra, está sendo investigado se os ataques têm relação com a crise no sistema penitenciário do estado. "Pessoas já foram presas", afirmou, mas sem revelar a quantidade de detidos.
19/01 - Carcaças de ônibus queimados em protestos contra a transferência de presos de Alcaçuz para outras penitenciárias do Rio Grande do Norte são vistas em Natal (Foto: Josemar Gonçalves/Reuters) Carcaças de ônibus queimados dentro da garagem de uma empresa de ônibus de Natal (Foto: Josemar Gonçalves/Reuters)
A maioria dos ataques aconteceu no mesmo momento em que a PM fazia a remoção de 220 presos da Penitenciária Estadual de Alcaçuz. No local, 26 detentos morreram durante uma rebelião no final de semana. Destes, segundo o governo, 15 foram decapitados. Alcaçuz fica em Nísia Floresta, cidade da Grande Natal.
Ônibus foi destruído pelas chamas, ninguém se feriu (Foto: PM/Divulgação) 
Em Natal, um ônibus foi atacado por criminosos e incendiado; ninguém se feriu (Foto: PM/Divulgação)

Inscrições para o SISU começam nesta terça-feira, consulta já pode ser feita no site

Chamada-Regular-Resultado-Sisu-2016
As inscrições para o Sistema de Seleção Unificada (Sisu) começam esta semana, do dia 24 ao dia 27 de janeiro. As vagas já estão disponíveis e os estudantes podem aproveitar o final de semana para pesquisar as melhores opções.
O Sisu seleciona os estudantes com base na nota no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Cabe a cada instituição definir o cálculo que utilizará para a seleção dos novos alunos. Para participar do processo, o estudante não pode ter tirado nota zero na redação do exame. Ao todo, mais de 6,1 milhões fizeram o Enem em 2016.

21 de janeiro de 2017

ITEP já identificou 22 corpos de detentos de Alcaçuz

556bfbda-3b5b-4df1-a15d-c32d5aabb3fb
O Instituto Técnico-Científico de Perícia (ITEP) já identificou 22 dos 26 corpos recolhidos pelo órgão até o momento da Penitenciária Estadual de Alcaçuz. Todos foram identificados através de exame de papiloscopia, que realiza a comparação de impressões digitais. 
Os corpos foram identificados como Jefferson Pedroza Cardozo, George Santos de Lima Júnior, Willian Anden Santos de Souza, Antônio Barbosa do Nascimento Neto, Carlos Clayton Paixão da Silva, Jonas Victor de Barros Nascimento, Marcos Aurélio Costa do Nascimento, Anderson Barbalho da Silva, Cícero Israel de Santana, Marlon Pietro da Silva Nascimento, Eduardo dos Reis, Jefferson Souza dos Santos, Felipe Rene Silva de Oliveira, Charmon Chagas da Silva, Diego Felipe Pereira da Silva, Anderson Mateus Félix dos Santos, Luiz Carlos da Costa, Tarcísio Bernardino da Silva, Francisco Adriano Morais dos Santos, Lenilson de Oliveira Melo Silva, Diego Melo de Ferreira e França Pereira do Nascimento.
O trabalho de identificação tem contado com o apoio de familiares das vítimas e o empenho intenso dos profissionais do ITEP, que também tem contado com o auxílio de uma equipe da Polícia Federal.
Para saber mais sobre o ITEP acesse: www.itep.rn.gov.br
Rafael Araújo – Coordenador de Comunicação Social 

Containers já estão sendo colocados dentro de Alcaçuz

conteiner
Foto: Fred Carvalho
Por volta das 11h30, o primeiro contêiner que irá ser usado para separar as facções foi transportado para dentro da penitenciária de Alcaçuz, na grande Natal.  A unidade foi ocupada por membros do Batalhão de Choque durante a manhã. Não houve confrontos neste sábado.
Segundo a Secretaria de Segurança Pública, equipes da Companhia de Águas e Esgotos do RN (Caern) estão no local e, após a instalação dos contêineres, vão entrar no presídio para realizar o esgotamento das fossas à procura de corpos no presídio.
G1/RN

Peritos acham mais partes de corpos na Penitenciária de Alcaçuz

itep
Peritos e necrotomistas do Instituto Técnico-Científico de Polícia (Itep) recolheram neste sábado (21) na Penitenciária de Alcaçuz, na Grande Natal, partes de corpos de presos que podem ter sido assassinados durante as rebeliões no presídio durante a semana. De acordo com a direção da Instituto, partes foram encontradas nos pavilhões 2, 3 e 4.
Neste sábado (21), três equipes de peritos foram acionadas e se deslocaram para Alcaçuz, onde a Polícia Militar realiza uma intervenção. A missão é fazer uma varredura em busca de possíveis corpos.
A busca foi feita em setores onde não há presos. O Itep não informou detalhes sobre os materiais recolhidos.
G1/RN

20 de janeiro de 2017

EMPARN prevê chuvas em maior volume em 2017

O Rio Grande do Norte deve receber chuvas em maior volume entre os meses de fevereiro e abril. Nas regiões Oeste e Central, o prognóstico é que as precipitações fiquem dentro da normalidade, variando de 400mm a 600mm. Já para o Agreste e Litoral a expectativa não é boa: as chuvas devem ficar abaixo da normalidade, variando entre 200 e 300mm. A análise foi feita durante o XIX Workshop Internacional de Avaliação Climática para o Semiárido Nordestino, realizado esta semana em Fortaleza. De acordo com o relatório, há 35% de possibilidade de as chuvas ficarem abaixo da média histórica; 40% dentro da média e 25% de chover acima da média no RN.

O gerente de Meteorologia da Empresa de Pesquisa Agropecuária do Rio Grande do Norte (EMPARN), Gilmar Bristot, que participou do encontro juntamente com pesquisadores de agências meteorológicas de vários estados do Nordeste e de agências internacionais, explica que há uma forte tendência de neutralidade nas temperaturas do Oceano Pacífico, excluindo assim a influência dos fenômenos El Niño e La Niña em maior intensidade. Essa indefinição aumenta a relevância da análise das diferenças de temperaturas entre o norte e o sul do Oceano Atlântico. Se a parte sul estiver mais aquecida, a Zona de Convergência Intertropical (ZCIT) tende a se posicionar também ao sul da Linha do Equador, atuando de forma mais favorável às chuvas.

De acordo com Gilmar, essa análise deve ser feita bem próximo ao início do período chuvoso, dando mais confiabilidade à previsão. Além desses fatores, também são levados em consideração a atividade solar – que está entrando em queda – favorecendo assim a ocorrência de chuvas, e o fato de que ao longo dos anos os meteorologistas observam que após um período de seca intensa causada pelo fenômeno El Niño, se segue um período mais propício à ocorrência de chuvas. “2017 está se configurando como um ano de transição entre o período seco e o período chuvoso. As condições ainda não são ideias, mas acreditamos que o cenário de estiagem intensa não deve se repetir este ano”, afirma o meteorologista.

Prefeita de Cerro Corá garantiu que o reajuste salarial dos profissionais da Educação será concedido

DJ Aildo - O Sindicato dos Profissionais em Educação do Município de Cerro Corá – SINTE -, no último dia 18/01, esteve reunido com a prefeita Graça Oliveira que ouviu as demandas da representação dos profissionais na educação, Graça Oliveira que além de prefeita também é profissional da educação, garantiu que o reajuste salarial dos profissionais da Educação será concedido, mais devido ainda está em processo de adequações o mesmo somente acontecerá no mês de fevereiro, mais retroagindo ao mês de janeiro 2017.

Para se chegar ao percentual de reajuste do Piso em 2017, com base no Parecer da AGU, deve-se comparar as Portarias Interministeriais nº 8, de 15/11/15, e nº 7, de 15/12/16. Ambas estão disponíveis no link: http://www.fnde.gov.br/financiamento/fundeb/2014-07-16-18-19-35/fundeb-legislacao

Portanto, o percentual de 7,64%, válido para reajustar o piso no ano de 2017, é extraído dos valores per capita do Fundeb aplicados durante os exercícios de 2015 (R$ 2.545,31) e 2016 (R$ 2.739,77). E como dito acima, qualquer tentativa de burla desse critério significará grave insegurança jurídica, podendo a CNTE e/ou seus sindicatos filiados acionarem o Poder Judiciário.