31 de janeiro de 2012

Garoto carrega o feto do irmão em sua barriga


Médicos no Peru diagnosticaram que um menino que três anos de idade tem um “gêmeo parasita no estômago”. Isbac Pacunda chegou ao hospital com fortes dores no abdômen. Depois dos exames, os especialistas detectaram que ele tinha um feto de 25 centímetros. Isbac será submetido a uma cirurgia para retirar o gêmeo nesta segunda-feira.

“Esses casos ocorrem em uma a cada 500 mil crianças nascidas vivas”, explicou o pediatra cirurgião Carlos Astocondor, que vai liderar a operação de Isbac. Outros 12 médicos vão participar do procedimento.

Segundo Astocondor, o feto não tem cérebro, coração, pulmões ou intestinos. “Mas detectamos que possui couro cabeludo no crânio, olhos, ossos dos membros superiores e inferiores, das mãos e dos pés”, disse o médico. De acordo com o especialista, esses casos são chamados de “Fetus in fetu” e ocorrem antes mesmo da formação do embrião.
Eduardo Silva.

Bebê de 1 ano arranca cabeça de cobra com mordida e vai ao hospital


Um bebê de 1 ano matou uma cobra de 35 centímetros após arrancar com uma mordida a cabeça do réptil na última quinta-feira em Shfaram, em Israel. A criança Imad Gadir não ficou ferida, mas foi levada para o hospital por precaução, segundo o jornal "Yedioth Ahronoth".

Quando percebeu o que tinha acontecido, a mãe do menino começou a gritar. Ao ouvir os gritos, um vizinho pulou o muro da casa, entrou no quarto e tirou a cobra da mão de Imad. "Eu ainda não consigo acreditar no que vi", disse a mãe.

O especialista Eli Cohen estima que a cobra tinha três anos de idade. Segundo ele, a picada é dolorida, mas não é venenosa.
 
Eduardo Silva

Mulher é flagrada só de calcinha no trânsito de Mossoró


 
Uma jovem senhora exibia suas curvas tranquilamente hoje pela manhã por volta das 8h, quando caminha pela Rio Branco e atravessava a Av. Augusto Severo em Mossoró.Pela sua tranquilidade não parecia totalmente desequilibrada tanto que teve consiencia de esperar o trãnsito fluir para pode atravessar a rua. Seria o calor? Seria uma maneira mais rápida de conseguir uma carona? rs. A calcinha, aliás calçola está desaprovada.....
 
Via Certa Natal

Foragido de Alcaçuz é recapturado em Cerro Corá


Por Sd PM J. Júnior
Fonte: O comunicador
Foi recapturado por volta de 12:30h desta Terça-feira (31/01) um dos foragidos do presídio de alcaçuz de nome VALDERI FLORIANO DA COSTA.
O mesmo foi preso pela policia civil na Travessa João Canário, em Cerro Corá, na residência de parentes, estava ferido e segundo informações dos familiares fazia tratamento a noite.
Ainda não temos a informação ha quantos dias o foragido estava escondido em Cerro Corá e como a civil chegou até o mesmo.

Conheçam Heloysa e sua chegada Triunfal! Dança Aviões do Forró! BODÓ-RN

BODÓ: Caminhão arrasta fiação e poste fica pendurado ocasionando o não fornecimento de enrgia em algumas ruas.

Nessa segunda-feira (30) por volta das 15h. o caminhão das lojas "Maré Mansa" fazia entregas em Bodó, quando ao passar pela rua Manoel Algusto, próximo a Assembléia de Deus encostou na fiação eletrica puxando o poste no qual ficou pendurado. Nada de grave aconteceu, por motivos do ocorrido ocasionou-se a falta de fornecimento elétrico nas ruas; Manoel Algusto, São Pedro, Belizio Gonçalves e boa parte da rua central.  Voltando ao normal por volta das 23:30 após a troca do poste e ligamento das fiações.


Vejam como ficou:



Fotos: Vera Lucia

Petrobras encontra mais petróleo na Bacia Potiguar

Bacia_potighuar
Petrobras encontrou vestígios de petróleo em terra num poço no bloco POT-T-609 da Bacia Potiguar do país.A descoberta, no poço 1BRSA1038RN ainda não foi declarada comercialmente viável, de acordo com uma postagem no site da Agência Nacional de Petróleo do Brasil.A Petrobras na semana passada disse que também descobriu petróleo no poço1BRSA1034RN no mesmo bloco.

 
Fonte: Oil&Gas Journal

Bodó fixa limite para pagamento de despesas "consideradas miúdas"

O prefeito Francisco Avamar Alves assinou decreto regulamentando o pagamento de despesas "consideradas miúdas" no âmbito da administração municipal de Bodó, que podem ser realizadas até o limite de 5%, como preceitua a Lei das Licitações, de Lei nº 8.666/93. O decreto estabelece o limite de R$ 4 mil  o valor máximo anual  a se utilizar para  pagamentos oriundos de despesas de pronto atendimento e "pequeno vulto", que por sua natureza não possam subordinar-se ao processo normal de aplicação processual.

De acordo com o decreto, somente poderão se enquadrar como despesas "miúdas" aquelas inerentes a  aquisição de material de expediente; produtos de limpeza e higienização; pequenos serviços de terceiros; serviços essenciais em veículos; transporte em geral; representação eventual; selos postais; telegramas; transportes urbanos; aquisição de flores; enfeites para festividades; aquisição avulsa de livros; encadernações avulsas; artigos de escritório e de desenho; impressos e papelaria em quantidade restrita para uso ou consumo imediato; aquisição de produtos farmacêuticos ou de laboratório para uso imediato e exclusivo nas unidades de emergência; serviços cartorários; refeição/alimentação; pequenos reparos ou adaptações de instalações hidráulica, sanitária e elétrica em imóveis públicos.

E ainda, outras pequenas despesas que necessariamente tenham de ser efetuadas em lugar distante da sede da Administração Municipal ou em outro Município.
 
Cerro Corá News

Novo mapa do Brasil que circula no território livre da Internet