5 de janeiro de 2014

Custo do Arena das Dunas está entre os mais baixos

O estádio Arena das Dunas é um dos únicos entre os 12 estádios da Copa do Mundo de 2014, no Brasil que parece seguir um rumo diferente dos demais no que diz respeito aos custos de construção. Uma fórmula utilizada pelas construtoras e que avalia o custo de cada estádio diz respeito ao “custo por acento”. A praça esportiva potiguar aparece como a de menor custo entre as que receberão jogos do Mundial e também entre outras arenas espalhadas pelo mundo. Para se ter uma ideia, a Arena Corinthians tem um preço de R$ 17,1 mil/cadeira. Na Arena das Dunas essa relação é de R$ 9,5 mil/cadeira.
A conta é feita tomando como base o preço do estádio pela capacidade de público que poderá receber. No caso de Natal são R$ 400 milhões investidos para 42 mil lugares durante a disputa da Copa do Mundo. Em São Paulo, são R$ 820 milhões para a construção de 48 mil lugares. A arquibancada removível, com 20 mil cadeiras, está orçada em R$ 35 milhões e será descartada após a competição. Isso também ocorrerá na capital do Rio Grande do Norte onde 10 mil cadeiras serão removidas.
Em comparação com outras arenas no Mundo, onde o padrão FIFA foi exigido pois fariam parte de jogos de Copa, a situação do estádio das Dunas também é confortável. A Allianz Arena, na Alemanha, em Munique, inaugurada 12 meses antes da Copa 2006, custou R$ 918 milhões, com cada um dos 66 mil lugares a R$ 13,9 mil. Já o gasto com a construção do Stade de France, erguido especialmente para o Mundial de 1998, chegou a R$ 900 milhões (R$ 11,1 mil por cada um das 81 cadeiras).
20140105-092352.jpg


Nenhum comentário:

Postar um comentário