10 de abril de 2014

Homem morreu por demora no atendimento do Hospital de Currais Novos

Hospital-Currais-Novos
Um fato revoltante aconteceu em Currais Novos, no Hospital Regional Dr. Mariano Coelho, quando um homem de 58 anos perdeu a vida após, segundo familiares, negligência no atendimento por parte da entidade de saúde.A informação é do blogueiro Jean Souza. A vítima tinha histórico de problemas cardíacos e teria passado mal. Assim, procurou o Hospital em busca de atendimento. Chegando lá foi atendido após algum tempo. O paciente teria relatado que tinha problemas cardíacos, no entanto o mesmo foi apenas medicado com um “comprimido e uma injeção” e logo após liberado para ficar na recepção da emergência.
Ele teria passado cerca de uma hora na recepção do hospital ainda passando mal e pedindo para ter de volta o atendimento médico. Nesse intervalo de tempo, seus familiares juntaram alguns exames antigos que comprovavam seu histórico de problemas cardíacos para que o mesmo pudesse ter um atendimento mais qualificado, já que o paciente sofria há pelo menos uma hora sentado ao lado da porta do banheiro da recepção da emergência, além de seu pai, um idoso de 89 anos, os demais pacientes que aguardavam atendimento médico imploravam para que os profissionais da área voltassem a atendê-lo. Após pressão por parte dos familiares, o paciente foi encaminhado para o atendimento médico por Dr. Marcone, que de imediato solicitou um eletro e um exame de sangue e o encaminhou para a sala de repouso, e não para a UTI. Após a realização do eletro, a enfermeira teve pressa em mostrar ao médico, só que já era tarde demais, seu Ivanildo teve um infarto agudo do miocárdio e mesmo sendo reanimado pelos médicos não resistiu e faleceu.
Por Marcos Dantas

Nenhum comentário:

Postar um comentário