20 de outubro de 2014

Debate: Dilma enaltece seus programas e Aécio diz que encarna a mudança


Depois da agressividade que marcou o último encontro, Dilma Rousseff e Aécio Neves apareceram mais ponderados no terceiro debate do segundo turno, que foi transmitido neste domingo pela Rede Record. A apenas uma semana das eleições, os candidatos retomaram o eixo, depois do belicismo da última quinta-feira, uma postura negativa que foi duramente criticada pelos eleitores.
Mais calmos, escolheram temas previsíveis, como a corrupção na Petrobras, a inflação persistente, e os problemas em saúde e educação, o que, para muitos telespectadores, tornou o encontro mais morno. Porém, quem não piscou na frente da TV pôde ler nas entrelinhas as diferenças que ambos quiseram marcar. Enquanto Dilma procurou enaltecer o caráter inclusivo dos seus programas, como o Bolsa Família ou o programa habitacional Minha Casa Minha Vida, Aécio procurou reforçar que manterá os programas, porém, com mais eficiência.
No final do encontro, Dilma tentou fixar no eleitor que as melhorias dos últimos anos são fruto de um planejamento que visou a inclusão. “O Brasil mudou porque o país tomou providências para criar oportunidades. Você cresceu porque o Brasil mudou”, disse ela. Aécio, por outro lado, manteve a tática de capitalizar o sentimento anti-PT, ao dizer que encarna a mudança. “Assumo a responsabilidade de conduzir as mudanças com responsabilidade”, afirmou. Nesta segunda, uma nova pesquisa eleitoral deve captar o sentimento dos eleitores depois destes dois encontros.

Nenhum comentário:

Postar um comentário