10 de maio de 2016

Natal amanhece sem ônibus e com protesto na UFRN

onibus
G1/RN – A terça-feira (10) amanheceu sem ônibus em Natal e com pneus queimados na UFRN. Motoristas e cobradores aderiram à paralisação nacional convocada pela Confederação Nacional dos Trabalhadores em Transportes e Logística (CNTT) e não saíram das garagens. O protesto, de acordo com a direção do Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários do Rio Grande do Norte (Sintro/RN), é contra o processo de impeachment da presidente Dilma e a possibilidade de perda de direitos trabalhistas.
A Secretaria de Mobilidade Urbana de Natal (STTU) liberou para que os táxis e ônibus fretados cobrem a tarifa do transporte urbano e circulem pelos corredores exclusivos. Outra solução para quem precisa sair de casa são os veículos alternativos, que seguem circulando normalmente. Os ônibus intermunicipais também estão rodando nesta terça.
No campus central da UFRN, na Zona Sul da cidade, um grupo de manifestantes ateou fogo em pneus. As chamas obstruíram o tráfego de veículos e impediram a entrada na instituição às margens da BR-101. As aulas ocorrem normalmente, apesar do baixo número de alunos em razão da falta de ônibus.

Nenhum comentário:

Postar um comentário