10 de março de 2017

WhatsApp traz de volta status antigo; Status

O WhatsApp lançou recentemente um novo recurso de Status que, assim como muitas outras coisas que o Facebook e suas empresas têm lançado, é uma cópia descarada do Snapchat. Também por esse motivo, o recurso não foi muito bem recebido pelos brasileiros. Para piorar a situação, até era possível reverter a atualização, mas só se você estivesse usando um celular Android com root.
Agora, após passar por uma breve versão de testes, o recurso antigo de Status do WhatsApp está de volta na versão beta do app para Android. Ele agora recebe o nome de “Recado”, mas funciona da mesma maneira que antigamente: você pode deixar uma frase curtinha sobre seu estado atual para que seus contatos vejam antes de lhe mandar uma mensagem.
Como usar?
Para editar o seu “Recado”, abra o aplicativo, clique no menu no canto superior direito (o ícone de três pontinhos) e vá em “Configurações”. Em seguida, clique na sua foto na parte superior da página. Ela abrirá em uma nova página, com seu nome e seu “Recado” embaixo. Basta clicar no seu “Recado” para poder editá-lo.
Também é possível ver os “Recados” de seus amigos. Para isso, basta ir no menu de contatos: abra o app e clique no ícone verde redondo com um símbolo de mensagem dentro. O menu mostrará seus contatos, organizados por ordem alfabética, com o “Recado” de cada um abaixo do nome.
Disponibilidade
Se essas novidades ainda não aparecerem para você, não se preocupe. Elas devem chegar em breve para a versão “normal” do aplicativo. Mas se você estiver muito ansioso para ter acesso a elas, talvez valha a pena se inscrever para a ersão beta do WhatsApp (veja aqui como). Ainda assim, vale lembrar que por enquanto o recurso só está disposível para Android, mesmo na versão beta.
Vale notar também que os “Recados” não fazem com que o novo recurso de Status do WhatsApp desapareça; os dois, por enquanto, estão existindo lado a lado. E o mais provável é que ele continue a existindo de maneira definitiva.
Olhar Digital – UOL

Nenhum comentário:

Postar um comentário